Ordem:
Família:

Anura

Dendrobatidae

Ameerega berohoka

Rã-de-seta-do-Caiapó

Status de conservação:

IUCN:

Lista Nacional:

Projetos e ações

Ainda não encontramos.

Unidades de conservação

Ainda não encontramos.

DESCRIÇÃO​

“Espécie de tamanho pequeno (CRC em machos variando de 15 a 24 mm) (Vaz-Silva & Maciel 2011). Distingue-se de Ameerega flavopicta (espécie congenérica) com distribuição também confirmada para o estado de Goiás, pela ausência de pontos amarelados no dorso (dorso marrom em A. berohoka) e pelo menor tamanho””

Localidade Tipo:

Arenópolis, Goiás, Brasil.

Holótipo

Ainda não encontramos

Parátipos

Ainda não encontramos

Artigo de descrição

Variações da espécie / Morfotipos

Período de atividade:

Habitat

Ainda não encontramos.

Tamanho

Abundância

Venonoso

Ainda não encontramos

Ecologia e história natural

“”Ameerega berohoka é um animal terrestre que possui hábitos diurnos e é comumente encontrada em áreas abertas, bem como em ambientes florestais e antrópicos. Durante a estação seca (abril a agosto), adultos e juvenis são encontrados ativos durante o dia em ambientes de s olo alagadiço próximos a riachos nas matas de galeria. Os machos vocalizam sobre o solo nu ou parcialmente escondidos na vegetação, sob rochas. A duração do canto de anúncio de A. berohoka varia entre 0,09 e 0,173 s, enquanto o intervalo entre cantos oscila entre 0,140 e 0,695 s (Vaz-Silva & Maciel 2011, Andrade et al. 2014). A taxa de emissão do canto varia entre 125 e 179 cantos por minuto (Andrade et al. 2014). Cada canto apresenta até seis harmônicos e a frequência dominante coincide com o 2º harmônico (Andrade et al. 2014). As frequências fundamental e dominante variam, respectivamente, entre 1922 e 2484 Hz e entre 3919 e 4479 Hz (Vaz-Silva & Maciel 2011, Andrade et al. 2014). Os ovos desta espécie são colocados no folhiço ou no chão e os girinos são levados pelos adultos aos córregos permanentes ou temporários, onde completam o seu desenvolvimento. A coloração aposemática funciona como advertência de sua toxicidade contra possíveis predadores visualmente orientados.””

Ameaças

Ainda não encontramos.

Etnobiologia

Ainda não encontramos.

Tipos de Ambientes

Ainda não encontramos.

Galeria de ambientes

Biomas / Eco-regiões

Cerrado

Vocalização

Descrição do canto

Ainda não encontramos

Variações de canto

Reprodução

“”Ameerega berohoka é um animal terrestre que possui hábitos diurnos e é comumente encontrada em áreas abertas, bem como em ambientes florestais e antrópicos. Durante a estação seca (abril a agosto), adultos e juvenis são encontrados ativos durante o dia em ambientes de s olo alagadiço próximos a riachos nas matas de galeria. Os machos vocalizam sobre o solo nu ou parcialmente escondidos na vegetação, sob rochas. A duração do canto de anúncio de A. berohoka varia entre 0,09 e 0,173 s, enquanto o intervalo entre cantos oscila entre 0,140 e 0,695 s (Vaz-Silva & Maciel 2011, Andrade et al. 2014). A taxa de emissão do canto varia entre 125 e 179 cantos por minuto (Andrade et al. 2014). Cada canto apresenta até seis harmônicos e a frequência dominante coincide com o 2º harmônico (Andrade et al. 2014). As frequências fundamental e dominante variam, respectivamente, entre 1922 e 2484 Hz e entre 3919 e 4479 Hz (Vaz-Silva & Maciel 2011, Andrade et al. 2014). Os ovos desta espécie são colocados no folhiço ou no chão e os girinos são levados pelos adultos aos córregos permanentes ou temporários, onde completam o seu desenvolvimento. A coloração aposemática funciona como advertência de sua toxicidade contra possíveis predadores visualmente orientados.””

Sítios reprodutivos

Modo reprodutivo

Época reprodutiva

Tipo de desenvolvimento

Indireto, ou seja, com a presença de girinos.

Girinos

História Natural

Ainda não encontramos.
Ainda não encontramos.
Ainda não encontramos.

Morfologia

Ainda não encontramos.
Ainda não encontramos.
Ainda não encontramos.
Ainda não encontramos.
Ainda não encontramos.
Ainda não encontramos.
Ainda não encontramos.
Ainda não encontramos.

Créditos

Fotografias

Ilustrações

Gabriela Luiza de Deus

Vocalizações

Colaborador da página

Guia de identificação das espécies de anfíbios (Anura e Gymnophiona) do estado de Goiás e do Distrito Federal, Brasil Central