Anfíbios


Alimentação

A dieta básica da maioria dos anuros juvenis (pós-metamorfose) e adultos é composta por invertebrados, principalmente insetos e outros artrópodes, além de minhocas e  caramujos. Essas presas são capturadas por estratégias simples de predação, sendo que a prevalente  é a de espera (“sit-and-wait”).

Além da estratégia de espera, diversas espécies de anuros podem caçar as suas presas ativamente, (Thoropa taophora) que procura crustáceos na zona entre marés na costa rochosa do litoral, próximo as matas. 

Além de invertebrados, algumas espécies de anuros de grande porte apresam pequenos roedores, e até mesmo aves e morcegos. 

Pouquíssimos anuros adultos comem matéria vegetal. No entanto, uma espécie  endêmica das restingas da Mata Atlântica é uma notável exceção. A perereca Xenohyla truncata escala os ramos de pelo menos duas espécies de arbustos para se alimentar de seus frutos. Também se alimenta de artrópodes, mas os frutos são parte considerável de sua dieta e, até onde se sabe, é o único anuro do mundo que dispersa sementes. 

Por outro lado 


Reprodução


Fases de vida dos anuros

Ovos… Girinos… Imagos e Adultos…


Aonde vivem os anfíbios


Principais Famílias de Anuros

 

 

 


Lista dos anfíbios Brasileiros